Ahh a Mentira...

|
Mentira significa “dizer, afirmar ser verdadeiro (aquilo que se sabe falso); dar informação falsa a fim de induzir ao erro, não corresponder a; falhar, faltar, errar, causar ilusão a; dissimular a verdade; enganar, iludir, não revelar; esconder, ocultar.
Essas definições pouco dizem sobre os porquês da mentira.
Mas vamos deixar claro aqui uma coisa: mentira tem perna curta! Toda mentira funciona da mesma forma. Mais cedo ou mais tarde alguém descobre. Não tem jeito. Tudo seria mais fácil se fôssemos mais sinceros uns com os outros.
Eu prefiro a sinceridade que machuca do que a mentira que mata. E mata mesmo. Mata a alegria, o sentimento recíproco do gostar de estar com alguém, da curiosidade dos próximos acontecimentos que virão. A sinceridade diz a que veio, bota a cara à tapa, mas deixa claro o que realmente se deseja.
“O amor pode morrer na verdade, a amizade na mentira.” -- Abel Bonnard

Achei na net um resumo técnico explicando a mentira.. Bem interessante..
“O mentiroso é sempre alguém enfermo. E em razão de sua forma de proceder, se torna desacreditado, mesmo quando se expresse de forma correta e verdadeira.
Para quem esta habituado a mentira, se dorna muito natural alterar o conteúdo ou a apresentação dos fatos, manipulando-os ao seu bel prazer.
As raízes da mentira se encontram no lar instável, mal formado, quando não emanam dos conflitos da personalidade, que induzem o ser a fuga da realidade e ao culto da fantasia.
Faz-se imperioso que se estabeleça uma disciplina rígida na arte de falar, procurando repetir o que se ouviu exatamente como se escutou; o que se viu da mesma forma que aconteceu, evitando-se interpretar o que se pensa em torno do assunto, que nem sempre corresponde aos fatos. Esta é uma maneira de vital importância para se abandonar o vicio da mentira.
Não há necessidade de mentir, e toda vez que nos servirmos da mentira, estaremos demonstrando um distúrbio de comportamento, que precisa urgentemente ser corrigido.
Mentir compulsivamente é um distúrbio da imaginação chamado mitomania. A verdade deve ser sempre dita com naturalidade, sem alarde, mas na íntegra, jamais adornada de fantasias ou conclusões pessoais.”

Legal né? Mas aplicando isso tudo a amizade.. por mais que se explique sobre a mentira, eu nunca vou entendê-la!
Pois temos na amizade uma segurança.. confiança.. então porque mentir?

1 comentários:

hellomotta disse...

algumas tem explicação.
eu tentaria ouvir.